Seu diploma vale mais no mercado de trabalho

Se você ainda tinha alguma dúvida em estar seguindo o caminho certo, nós te dizemos que sim! O Ensino Superior é pra onde você deve caminhar! A prova disso é o resultado do relatório “Um olhar sobre a Educação”, feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na comparação de dados brasileiros com os das nações que integram a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). 

Segundo o documento, o Brasil é o país onde cursar o Ensino Superior aumenta mais as chances de empregabilidade e de retorno salarial. Enquanto uma pessoa com o diploma universitário no Brasil ganha 2,5 vezes mais do que alguém com o Ensino Médio completo, a média na OCDE para um conjunto de 46 países era de 1,6 vezes mais. Os dados integram a Síntese de Indicadores Sociais 2018, divulgada nessa quarta-feira (05) pelo IBGE.

“No Brasil, quem tem diploma ganha mais que o dobro do trabalhador com Ensino Médio, e esse abismo pode ser explicado pela lógica de mercado, já que o grupo de pessoas com Ensino Superior é relativamente pequeno, então esses profissionais são mais valorizados”, segundo Daniel Cara, coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.

Para o psicólogo graduado pela Faculdade Social da Bahia (FSBA), Djalma Andrade, o diploma foi o responsável por mudanças e oportunidades incríveis na sua vida profissional, social e também pessoal: “Através da minha graduação consegui projetar meu futuro, enxergar novos horizontes e possibilidades, dentre elas, a criação de uma empresa na área de saúde, um projeto montado ainda na faculdade e realizado graças ao que aprendi na FSBA. A ‘Fema Psicologia’ vem tornando-se referencial na área de home care, sendo responsável hoje pelo serviço de psicologia das principais empresas de serviço de saúde domiciliar da Bahia, como a VITALMED e a CURATIVOS, estando presente em Salvador, Lauro de Freitas e Feira de Santana.”.

O psicólogo ainda falou sobre sonhos e do papel importante que o diploma teve em realiza-los: “Sem a graduação também não teria criado o primeiro consultório móvel de psicologia do mundo, nem tampouco o projeto ‘Psicologia Sem Fronteiras’, com trabalhos realizados não só na Bahia como em outros estados do Brasil. É uma trajetória que reflete, diretamente, a importância do diploma em minha vida. Sonhar é ir atrás, é buscar as ferramentas certas para realizar os sonhos. E o diploma é essa ferramenta poderosa.”.

Mas, Djalma Andrade faz parte de uma estatística ainda triste para o Ensino Superior no Brasil. De acordo com a pesquisa do IBGE, menos da metade (43%) dos brasileiros com ensino médio ingressou no ensino superior até o ano passado. No Brasil, a proporção de pessoas de 25 a 64 anos com pelo menos o ensino superior, em 2017, era de 17%, enquanto esse mesmo indicador para países membros da OCDE era em média de 30%.

SAIBA MAIS

Pensando em diminuir esse abismo e dar mais oportunidades de ingresso a um Ensino Superior de qualidade, a Faculdade Social da Bahia (FSBA) criou o programa “Família FSBA”, que vai conceder 20% de desconto na mensalidade por cada amigo que você indicar e que realizar a matrícula. Podem ser feitas até cinco indicações. Saiba mais no link de acesso no site.

*Com informações do portal O Globo

Últimas Notícias


2018 © Faculdade Social da Bahia • Todos os direitos reservados