FSBA sedia pela primeira vez na Bahia campeonato nacional de Handebol

Publicado em 10 de dezembro de 2018.

O esporte sempre foi motivo de orgulho para a Faculdade Social da Bahia (FSBA). Aqui não há somente incentivo, mas também investimento, em infraestrutura, atletas, treinamentos e competições. Por isso, nós tivemos a honra de sediar e fazer parte da organização do Campeonato Brasileiro de Clubes Adulto Feminino, que aconteceu na última semana (de 04 a 08 de dezembro), no Ginásio 1 do Colégio ISBA. A cerimônia de encerramento nesse sábado contou com todos os clubes para a entrega da premiação do 1º, 2º e 3º lugares.

O evento esportivo, que teve a participação dos principais times do handebol feminino no Brasil, incluiu ao todo seis equipes na disputa pelo título, todas em uma única chave. O estado de Pernambuco dominou o pódio. A atual campeã da competição não deixou o título escapar e levantou o troféu do 1º lugar. O Clube Português de Recife ganhou invicto, seguido do Sport Clube, que ficou em 2º lugar, e o Santa Cruz, em 3º. O campeonato foi de alto nível, e mesmo quem não levou troféu fez um bonito e empolgante espetáculo para a torcida que encheu o ginásio em todas as partidas. Os times do Ceará Handebol, da FSBA, e da UFBA, terminaram em 4º, 5º e 6º lugares, respectivamente.

Como competição nacional, o evento mostrou-se importante não só para a visibilidade da Faculdade, como também para conhecimento da modalidade. Segundo Cristiano Rocha, que veio como técnico do campeão Clube Português, mas também é técnico da Seleção Brasileira Sub-20 Categoria Júnior, além de auxiliar técnico da Seleção Brasileira Olímpica de Handebol, é importante cada torneio que acontece aqui no Nordeste, pois eles são mais comuns lá no Sul e Sudeste do país, o que acaba não promovendo o Handebol: “É muito bom quando uma competição dessas vem para o nordeste, dando a oportunidade de o povo ver perto de casa e, consequentemente, vamos ter jovens querendo praticar, então isso é muito importante”.

Cristiano também elogiou a postura da FSBA em relação ao esporte e agradeceu o suporte com toda a organização da competição: “A faculdade está oferecendo uma estrutura muito bacana para o evento e isso é muito importante para as equipes que vieram participar. Tem uma boa quadra, uma boa infraestrutura, nos receberam muito bem, além de estar nesse âmbito universitário, dentro de uma faculdade e promover o esporte é sempre uma coisa muito rica e que estimula algo positivo dentro da comunidade. Muita menina aqui não tinha visto, e como auxiliar técnico da seleção brasileira é muito importante para conhecer novas jogadoras e dar a elas uma oportunidade maior.”, finalizou.

O professor responsável pelo Departamento Esportivo da FSBA, Antônio Andrade, também falou da importância de receber um grande evento no estado: “A gente fica muito envaidecido de receber uma competição desse porte, nacional, já que é a primeira vez que a Bahia promove um evento de handebol. E a FSBA, mais uma vez, é pioneira nesse sentido. Aqui você está vendo jovens meninas de 15, 16, 17 anos, que estão no ginásio assistindo o que há de melhor no handebol brasileiro, graças ao investimento da Faculdade Social. Nós, juntamente com a UFBA, pleiteamos, trouxemos e estamos dando todo o suporte, para além de participar de uma competição desse nível.”.

O Campeonato Brasileiro de Handebol Feminino também foi um campo para outros cursos da FSBA. Além do Departamento Esportivo com os estudantes de Educação Física, estiveram envolvidos os alunos de Jornalismo, com a produção de releases, divulgações e apresentação do evento com um paraninfo, os estudantes de Fisioterapia, contribuindo com a clínica escola, e os alunos do curso de Direito, como voluntários na formulação jurídica do evento. Essa foi uma competição multidisciplinar e que engrandeceu a Faculdade em todos os sentidos. Obrigada e parabéns a todos os envolvidos!

 

Por Alanna Sampaio

Últimas Notícias